COMUNICAÇÃO PARA DEFESA DOS DIREITOS DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES

O projeto consiste na articulação entre atores sociais da educação e dos direitos humanos comprometidos na formação intelectual, cultural e política de crianças e adolescentes negros, e o combate ao extermínio da juventude negra na região do Nordeste de Amaralina, conglomerado de bairros da periferia de Salvador.

img_4910

Entre o coletivo que faz este projeto acontecer estão professores da rede pública de ensino, educomunicadores, arte-educadores, estudantes, líderes e associações comunitárias, representantes do poder público, e da sociedade civil organizada.

Entre as principais ações do projeto estão:

• Formação em direitos humanos em escolas públicas da região do Nordeste de Amaralina, através da metodologia da educomunicação, que visa a apropriação das ferramentas da comunicação e a compreensão dos direitos pelas crianças e adolescentes.
• Articulação entre entidades e ativistas comunitários comprometidos com o direito à vida, a segurança e a dignidade da juventude negra, principais vítimas da violência mortal no Brasil.
• Aproximação com as famílias das crianças e adolescentes alunos do projeto, para compreensão de suas realidades e a percepção mais aguçada de formas de combate à violência.

O projeto COMUNICAÇÃO PARA DEFESA DOS DIREITOS DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES, desenvolvido pela CIPÓ – Comunicação Interativa, tem o apoio da Kinder Not Hilfe, organização alemã, com filial no Brasil, comprometida com a promoção dos direitos das crianças e adolescentes, e aqui conhecida como KNH Brasil.

Com mais esta ação de transformação de realidades, a CIPÓ reafirma seu compromisso em ver a juventude ampliar a visão da realidade, ter ouvidos atentos e a fala afiada pela garantia de direitos, pelo desenvolvimento comunitário, educação e cultura.

img_4909

Pelo direitos aos sonhos!
Pela vida da juventude negra!