Festival Negra América faz panorama da produção cultural juvenil

Capa Site Cipó

Jovens das cinco regiões do Brasil e de três outros países da América Latina: Argentina, Colômbia e Equador participam do Festival Negra América – Cultura e Periferia, realizado pela CIPÓ Comunicação Interativa e Latitudes Latinas, projeto de extensão da Universidade Federal da Bahia, com apoio cultural do Oi Futuro, patrocínio da Oi e da FAZCULTURA – Lei Estadual de Incentivo à Cultura, da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia, por meio do Fundo de Cultura e apoio institucional do Fundo de População das Nações Unidas e Instituto de Radiodifusão Educativa da Bahia. De 26 a 29 de agosto, o evento ocorrerá em Salvador, ocupando espaços como o Parque São Bartolomeu (Av. Suburbana), o Centro Cultural de Plataforma e a Praça São Brás (Plataforma) e a Escola Oi Kabum! Arte e Tecnologia Salvador.

Realizado pelo primeiro ano, o projeto tem como objetivo promover o intercâmbio entre coletivos artístico-culturais de bairros periféricos de Salvador com coletivos juvenis, formados por afrodescendentes de outros países latino-americanos. A expectativa é que o encontro proporcione o fortalecimento da produção artístico-cultural dos coletivos participantes, além de promover a reflexão sobre a contribuição das manifestações culturais de matriz africana para o desenvolvimento da América Latina. A intenção do Negra América é promover a visibilidade do jovem de periferia como produtor de riqueza cultural para as cidades onde vivem, especialmente Salvador, cidade que sediará a primeira edição do evento. Para acompanhar a programação completa do Festival Negra América e saber mais sobre os coletivos juvenis participantes, acesse: http://www.negraamerica.org.br